Sobre Viviane Garcia

Sou uma pessoa que já experimentou de tudo no artesanato: papel vegetal, cartonagem, encadernação, papel marchê, biscuit e agora se aventurando no feltro ;)
Hoje sou funcionária pública do estado onde resido - Mato Grosso - lugar que eu aprendi amar, com a sua cultura gauchês, que me fez gostar de comer costela kkkkkkkkk
Sou formada em geografia pela Newton Paiva - antiga faculdade de Belo Horizonte, cidade onde residi até 2007.
Sou casada com o Lourival que também é professor e sou mãe da minha fofinha e querida bb chamada Maria Beatriz.

26 Comentários


  1. Ser mão é realmente uma experiência muito gratificante, pelo menos para mim foi. Olhar aquela coisinha tão pequena, cheia de fragilidades. Oh my god! rsrs 🙂

    Responder

  2. Obrigada Viviane em compartilhar sua experiência de vida! Ser mãe é uma dadiva de Deus! Nos mães já fomos abençoadas com essas riquezas que são nosso filhos, parabéns pelo artigo!

    Responder

  3. Realmente estar gravida é algo inesperável, que eu acho que só quem sabe é quem já esteve gravida. Dá á vida a um ser lindo e maravilhoso, que é sua semelhança, que vai dá continuidade a sua historia é algo sublime. O ruim de toda essa historia é realmente o sobre peso que a gravidez lhe concede, mas nem tudo é perfeito não é mesmo?

    Responder

  4. Oie, muito bom artigo!

    Estou planejando meu casamento para este ano agora de 2017 e futuramente ser mamae!.. Vamos ver como vai ser, estou nervosa desde já rs..

    Obrigado pelas dicas, vai me ajudar muito!

    Responder

  5. Muito bom Vi!

    Realmente a gravidez é bem chata… kkk
    E nos surpreende bastante também.

    Sucesso pra você!

    Beijos!

    Responder

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado.

CommentLuv badge